sábado, 14 de setembro de 2013

Sete provérbios indispensáveis para o ministério de liderança

O líder deve estar "junto e misturado" de seus liderados.


O objetivo desse estudo não é mostrar belos provérbios para nossa apreciação. Antes, é admoestar o ministério de liderança, mostrando sete belos provérbios indispensáveis para aqueles que recebem a honra do Senhor em ocupar algum cargo de liderança na igreja:

"O que desvia seus ouvidos de ouvir a lei, até sua oração será abominável"             (Pv 28.9)
O líder deve focar (esforçar) seus ouvidos para ouvir a palavra do Senhor. Neste provérbio, a palavra (lei) e oração caminham juntas, nos ensinando que o líder deve ter, antes de tudo, uma vida de oração e uma sólida estrutura na palavra de Deus.

 "Procura conhecer os estado de suas ovelhas, põe teu coração sobre o gado"          (Pv 27.23) 
Esta ordem começa com o verbo PROCURAR, indicando uma ação de continuidade. O líder, continuamente, deve conhecer (também é um processo) as situações de seus liderados, suas causas, alegrias e tristezas. O segredo para cumprir este provérbio é colocar o coração sobre eles, amando-os.

"Como o ferro com o ferro se aguça, assim o homem afia o rosto de seu amigo"            (Pv 27.17)
Uma comparação fantástica! O ferro duro é afiado por outro ferro... também duro! O líder deve olhar para aquele liderado difícil, com muita humildade e procurar ajudá-lo, afiando seu rosto. Lembrando sempre que o líder também deve ter seu rosto afiado. Ambos são ferros duros. O líder apenas está na posição de afiar o outro, mas, é ferro do mesmo jeito.



 "Não responda ao tolo segundo a sua estultícia, para que também não faças semelhante a ele"                                                                                                                  (Pv 26.4)
Uma característica marcante do líder deve ser a capacidade de ouvir. Busque essa sábia capacidade em Deus. O líder vai escutar palavras brandas e vai responder com brandura; o líder vai escutar palavras grosseiras e tolas e vai igualmente responder com... brandura! Caso contrário, não passará de um tolo. 

"O que adquire entendimento ama sua alma"                                                                     (Pv 19.8)
Líder, busque se capacitar! Adquirindo entendimento você estará amando sua própria alma. Invista no ministério de liderança que o Senhor confiou em suas mãos. Isso vai ser bom para você, e, consequentemente, para seus liderados.

"Como o louco que lança de si faíscas, flechas e mortandades, assim é o homem que engana o seu próximo e diz: Fiz isso por brincadeira"                                                       (Pv 26.18)

Primeira coisa, sejamos verdadeiros com o nosso próximo, pois, o engano é como uma faísca, flecha e mortandade, tudo junto. Segundo, disparar esse arsenal contra nosso próximo e depois dizer "fiz isso por brincadeira"... não é atitude de um sábio líder, nem de ninguém. Ministério de liderança não é brincadeira, deve ser feito com seriedade, dedicação e honra. Com muita alegria, mas, jamais por "brincadeira".

"Sê sábio, filho meu, e alegra o meu coração, para que tenha alguma coisa que responder àquele que me desprezar"                                                                                   (Pv 27.11)
Um líder levantado pelo pastor é como este "filho meu". Aqui há o pedido pastoral para que seus líderes, que foram levantados com muita oração, jejum, madrugadas e choro, sejam sábios. Isso será consolo para o pastor diante das afrontas.


Bp Erisvaldo Pinheiro (estudo ministrado na Escola de Líderes, em 10 de setembro de 2013)