quarta-feira, 23 de dezembro de 2020

Ele vive, não me esquecerei disso

 

Nos primeiros minutos do domingo, Maria Madalena liderou um grupo de mulheres para irem ao sepulcro de Jesus para que ali fizessem a correta preparação de seu corpo.


O túmulo, porém,  estava vazio. Dois anjos anunciam a mais poderosa de todas as perguntas já feitas: "por que vocês estão procurando entre os mortos aquele que vive?"


Assim como ocorreu com Maria Madalena, aprendemos 3 verdades com a declaração POR QUE ELE VIVE:


1- Somos instruídos à Palavra daquele que vive. A Palavra ganha vida. O Santo Espírito nos faz lembrar de cada ordem que Cristo nos deu.

2- Somos movidos a contar essas coisas às outras pessoas. A boa nova de que Cristo vive não cabe dentro do coração, e o discípulo irá anunciar isso à outros.

3- Ainda que não acreditem, sempre haverá um Pedro que se levantará e correrá ao encontro do Cristo Vivo!


E assim, meus amados irmãos e irmãs, encerramos esse propósito Escola do Deserto, onde juntos, lemos e meditamos no Evangelho que escreveu Lucas. E lutamos para vencer as tentações internas. Estou muito feliz e tenho muita coisa boa para lhe contar. Com certeza, termino esses 40 dias diferente d qd comecei. Tenho ótimas dicas pra vc que quer ter uma vida de oração mais intensa e diária. 


Retornaremos hoje os cultos de sexta-feira. Vai ser forte. Será o culto de Batalha Espiritual. 

Aguardo vc lá.  Chame alguém que precise receber oração e leve à casa do Senhor. 


No culto explicarei o próximo propósito de oração. 


Deus abençoe e t guarde.

terça-feira, 22 de dezembro de 2020

Falarei somente o necessário e considerarei mais o silêncio como resposta


 

》》》LUCAS 23.1-56《《《


É um capítulo de muitas falas, de intensos e decisivos diálogos. É muito interessante observar as poucas falas de Jesus. Nosso Mestre tem uma capacidade incrível de falar a coisa certa, mesmo estando num momento de estress máximo. 


Para quem queria apenas uma demonstração de milagre e para quem o acusava com veemência, Jesus apenas respondeu com seu SILÊNCIO. 


Diante da defesa de cargo de Pilatos, da escolha por Barrabás pela multidão e dos gritos de crucifica-o, Jesus mais uma vez respondeu apenas com seu SILÊNCIO.


Lembre-se que seu SILÊNCIO também é ferramenta para que você cumpra a missão que o Pai confiou na sua vida.


Para um grupo de mulheres que lamentava e chorava por ele, Jesus rompeu o silêncio e respondeu ao choro.


Com os braços abertos já pendurado na cruz,  seu silêncio é mais uma vez interrompido com uma oração de perdão pelos seus algozes. Um pouco de tempo, e se ouve sua voz assegurando salvação no último minuto de vida do ladrão condenado ao seu lado.


E no último suspiro, suas últimas palavras foram uma entrega de tudo que lhe restara ali. Cristo entrega seu Espírito nas mãos de seu Pai.


Precisamos aprender a responder com silêncio e falar o necessário para quem precisa. Isso é necessário para cumprir a missão de nosso Deus e Pai.


Amém

Deus t abençoe.

segunda-feira, 21 de dezembro de 2020

Despertarei minha vida de oração


 

》》》LUCAS 22.39-71《《《


Antes de Jesus ser preso,  Ele se dirigiu ao Monte das Oliveiras para a oração. 

Antes do processo de julgamento no Sinédrio, Jesus foi orar.

Antes do Gólgota, a oração. Antes de tomar sua cruz e subir ao CALVÁRIO, um profundo momento de oração. Antes das últimas cenas para cumprir a missão do Pai, o Filho de Deus foi orar intensamente. Que o Santo Espírito nos ensine a nos posicionarmos em oração. 


Oração é uma preparação para fazer a vontade do Pai. Oração é uma oportunidade de liberar as toxinas da alma. Quanto mais angustiado Cristo ficou no Getsemani, mais intensamente orou.


Não orou sozinho, pois quem ora sempre estimula o outro a orar. Jesus ordenou aos seus discípulos "orem para que vocês não caiam em tentação". E logo em seguida mostrou na prática sua ordem. Ele se afastou deles, se ajoelhou e começou a orar.


Ao voltar,  seus discípulos estavam dormindo. É triste quando nossa vida de oração é tomada pela sonolência espiritual. Quando dormimos no momento em que deveríamos orar, há uma tendência de ficarmos iguais àqueles discípulos "dominados pela tristeza".


"POR QUE ESTÃO DORMINDO? LEVANTEM-SE E OREM PARA QUE VOCÊS NÃO CAIAM EM TENTAÇÃO"


●》Três conselhos para você:


• Nunca troque a oração pela acomodação. 


• Se tua vida de oração está em estado de sonolência,  se desperte. 


• A oração é peça chave para você vencer tentações. 


Amém 

Deus te abençoe e t guarde.

domingo, 20 de dezembro de 2020

Obedecerei a Cristo e rejeitarei às propostas do inimigo


 

》》》 LUCAS 22.1-38《《《


Três nomes de discípulos são mencionados nesse trecho.


Judas, influenciado por Satanás, se dirigiu aos chefes dos sacerdotes e tratou como poderia entregar Jesus. Tal atitude lhe renderia um bom valor em dinheiro.


João, que obedeceu a ordem de Jesus para preparar a mesa.


Pedro, a quem Jesus revelou que Satanás pediu permissão para peneirá-lo como trigo. 


Para Judas, Cristo disse "ai daquele que me trair". Para João,  nada foi dito. Para Pedro, Cristo disse "você me negará".


Meditando nesse trecho, podemos liberar 4 conselhos:


• ou vc obedece a Cristo, ou recebe influência do inimigo. Uma coisa ou outra. Escolha hoje o caminho da obediência. 


• discípulos que estão à mesa com Cristo são alvos da intenção de tentações do maligno. Cristo, porém, é quem tem autoridade para autorizar a tentação. E, quando autoriza, Ele intercede para que a fé não desfaleça. 


• quanto mais Deus te colocar com o papel de liderança sobre pessoas, mas você deverá servir as pessoas. Lembre-se que Cristo esteve entre nós como quem serve.


• Você precisa estar atento à instrução de Cristo para cada situação. Em certa ocasião Jesus disse "não carreguem bolsa", mas naquela mesa Ele instruiu "mas agora, se vocês têm bolsa, levem-na". A instrução de Cristo para você, nesse tempo, é: seja cheio do Santo Espírito e do que está Escrito e vença as tentações no deserto.


Amém 

Deus te abençoe nessa reta final do propósito da Escola do Deserto, com vigilância e sede por Ele.

sábado, 19 de dezembro de 2020

Redobrarei minha atenção e oração


 

》》》LUCAS 21.1-38《《《


É o capítulo que narra a riqueza da oferta da viúva pobre, mesmo tendo sido a de menor valor naquele culto. Não é questão de valor,  é o sacrifício envolvido.


E a narrativa segue com o ensino de Cristo sobre os últimos dias. É um sermão profético. O tempo profético ora se aplica para os últimos dias, ora para os dias atuais dos discípulos. Temos que ter discernimento sobre o tempo de Deus. O que é pra hoje, que façamos.  O que é para amanhã,  que nos preparemos. 


Cristo ensina seus discípulos a se convencerem de uma vez por todas de que não se devem preocupar. O coração do verdadeiro discípulo não deve ficar preso a um emaranhado de preocupações. Cristo ensina que você deve convencer a você mesmo sobre isso. Fale à tua alma hoje pra que ela descanse em Deus.


Nesses últimos dias, três coisas serão forças contrárias para que discípulos não fiquem atentos sobre a volta de Cristo:


1-Libertinagem: não se entregue à normalização de práticas sexuais anti bíblicas. Lembre-se que você faz o que você pensa, se você controlar seus pensamentos, suas ações estarão devidamente controladas.


2- Bebedeira: não caia no dogma do pode ou não pode, é lícito ou não é lícito (e isso se aplica a muita coisa). Faça um voto e cumpra. 


3- Ansiedades da vida: livre seu coração da ansiedade, pela dependência e confiança em Cristo. A ansiedade ofusca sua mente e não lhe permite confiar plenamente em Deus. 


E por fim, Cristo exorta seus discípulos à uma simples, porém escarça prática nos últimos dias: a oração. 


"ESTEJAM SEMPRE ATENTOS E OREM PARA QUE VOCÊS POSSAM ESCAPAR DE TUDO QUE ESTÁ PARA ACONTECER E ESTAR DE PÉ DIANTE DO FILHO DO HOMEM"


Amém 

Deus abençoe e te renove

sexta-feira, 18 de dezembro de 2020

Diminuirei meus erros com a aplicação diária da Palavra de Deus


 

》》》LUCAS 20.1-47《《《


Esse é o capítulo de muito ensino do nosso Cristo. Onde tem ensino tem perguntas e diferentes opiniões. 


Aos mestres da lei, Cristo devolveu a pergunta deixando-os sem resposta. O batismo de João veio de Deus.


Aos falsos justos, Cristo mostrou que os próprios carregavam aquilo que queriam que Cristo fosse contra, a moeda de César. Deem a César o que é de César. 


Aos sauduceus, Cristo deu uma aula de escatologia, refutando a crença da não ressurreição deles. Deus não é Deus dos mortos , mas de vivos, pois para ele todos vivem.


E assim, ninguém mais ousava fazer uma pergunta. 


Entenda que, quanto mais vc se aproximar da missão que o Pai lhe confiou, mais vão tentar t pegar no erro. Esteja preparado. Seja cheio do Espírito Santo e tb da Palavra. Comece e termine seu dia diante da Presença. Prepare seu corpo para jejuns mais prolongados. Vença a si mesmo. Torne todos os seu pensamentos cativos aos pés de Cristo, isso implica disciplina e compromisso. Não procrastine seu chamado. A missão é urgente pois o grande dia se aproxima. 


Amém. 

Deus te abençoe e te fortaleça.

quinta-feira, 17 de dezembro de 2020

Aproveitarei cada oportunidade dada por Deus


 

》》》LUCAS 19.28-48《《《


Chorando por Jerusalém,  nosso Cristo exclamou em alta voz "você não reconheceu a oportunidade que Deus concedeu". O Príncipe da paz estava em suas ruas, Jerusalém porém não o reconheceu. Teve uma grande oportunidade, mas desperdiçou. E poucos anos depois, a história conta que Jerusalém foi sitiada e destruída, não ficando pedra sobre pedra.


Oportunidades devem ser aproveitadas. 


Entrando triunfalmente em Jerusalém, Cristo não entrou em nenhum palácio do governo.  Sua escolha foi o templo. Ali, Ele promoveu uma purificação expulsando o que tinha de errado e selando sua Palavra que diz "a minha casa será chamada casa de oração".


Aproveite a oportunidade que Cristo oferece hoje, meu irmão. Ele está à porta. Ele quer entrar no templo do seu coração. Primeiro, Ele tira o que não o agrada. Depois, Ele faz do seu coração "uma casa de oração".


Cuide desse templo hoje. A oportunidade de ajuda é dada. Aproveite. Elabore um jejum. Retire hoje de seu cardápio algo que lhe custe. Entre outras coisas, eu tirei o café, acredite, isso me custa muito. O Senhor nos chama para jejuns mais prolongados. Mas antes, quer nos ajudar e nos preparar. 


Hoje é dia de se consagrar. Leia, medite e esteja em vigilância. Sua casa será chamada casa de oração. Aproveite!


Amém

Deus t abençoe e t ajude.

quarta-feira, 16 de dezembro de 2020

Farei o que precisa ser feito para estar com Cristo


 

》》》LUCAS 19.1-26《《《


Podemos extrair princípios de vida e bons conselhos na história de Zaqueu, o publicano. Veja:


• Para conseguir contemplar o Senhor, você precisa superar as multidões. Embora essas multidões sejam impedimentos entre você e Cristo, elas não podem servir de desculpa pra vc não chegar mais perto dEle. Haverá sempre uma figueira brava pra vc subir. Tire os olhos da multidão e procure o ponto mais alto, cuja subida merece seu esforço, e que lhe fará contemplar melhor seu Cristo.


• Escute a voz do Senhor e a obedeça. Eu imagino o quão depressa Zaqueu desceu dali mediante a ordem dada por Jesus. 


• QUERO FICAR NA SUA CASA HOJE, disse Jesus a Zaqueu. Acredito sinceramente que Ele  continua falando isso hoje.


• Primeiro a palavra fala da obediência de Zaqueu, depois de sua alegria. Guarde essa sequência e não queira invertê-la.


• Não perca sua alegria de estar com seu Cristo, mesmo quando o povo se queixar do lado de fora.


• Viu a mudança em Zaqueu? Pois bem, é que a presença de Jesus dentro de casa sempre traz mudanças de comportamento. 


• A presença de Jesus em você,  sempre tem que causar algum benefício ao seu próximo. 


• Aprenda a reparar seu dano cometido. Doar e devolver são verbos comuns para quem convive com Cristo.


• HOJE HOUVE SALVAÇÃO NESTA CASA. Eu não sei você,  mas eu me apropriei dessa palavra!


• Não há ninguém tão perdido que nosso Bom Pastor não possa buscar e salvar.


Guarde esses conselhos. Que sejam regados com atenção e vigilância. Que não fiquem enterrados. Que sejam multiplicados dentro d vc. 


Amém

Deus t abençoe e t guarde.

terça-feira, 15 de dezembro de 2020

Sei que falta ainda uma coisa

 

》》》》》Lucas 18.18-42《《《《《


Quanto mais vc se aproximar de Cristo, o Santo Espírito soprará essa máxima em seu coração: FALTA AINDA UMA COISA


Ao homem rico, faltava vencer a avareza.

Aos discípulos, faltava entendimento.

E ao cego, sua visão restabelecida.


Considere alguns princípios atemporais oferecidos em Lc 18.18-42 e permita que o Santo Espírito fale contigo:


• não vale muito cumprir os 10 mandamentos deixando ainda a avareza dominar o coração. 

• a morte e ressurreição de Cristo é a centralidade do Evangelho.

• o discípulo do Senhor deve sempre buscar mais entendimento de sua Palavra, com humildade e ciência que nele ainda falta uma coisa.

• Cristo é capaz de abrir sua visão, mas é necessário que vc vença as muitas vozes contrárias. 


Peça ajuda ao Espírito e considere seu coração. O que ainda está faltando para cumprir a expectativa q Cristo tem por ti? O que precisa ser vencido? Qual tentação precisa ser dominada? 


Vc foi escolhido por Cristo para um longo, porém eficaz período de discipulado. Vc vai vencer, pois "estou convencido de que aquele que começou a boa obra em vocês, vai completá-la até o dia de Cristo Jesus" (Fp 1.6)


Amém 

Deus t abençoe e t guarde.

segunda-feira, 14 de dezembro de 2020

Não desanimarei minhas orações


 

Meditando em Lc 18.1-17...


Aos discípulos, O Senhor contou a parábola da viúva insistente.


Aos que desprezam o próximo, o Senhor contou a parábola do Fariseu e do Publicano.


Ao povo,  nosso Mestre ensinou o valor das criancinhas.


Se vc é discípulo, e eu acredito que vc seja, entenda o valor de uma vida de oração. Se um juíz perverso atendeu o pedido da viúva insistente, quanto mais fará nosso Deus aos seus escolhidos, que clamam de dia e de noite. Agarre essa promessa "eu digo a vocês, Ele lhes fará justiça e depressa". 


Se vc despreza o próximo,  e eu acredito que não seja, entenda que o fariseu orgulhoso não alcança justificação com sua lista de boa ações, mas se achando superior ao seu próximo. Já o publicano pecador, que se acha indigno, que se arrepende e pede perdão, Jesus declara e atesta sua justiça.


Se vc faz parte da multidão, e eu acredito que não faz, entenda que devemos ser como uma criança para entrarmos no Reino. A criança acredita nas promessas, não tem vergonha de pedir, levanta os bracinhos quando quer ajuda. De tais é o Reino. 


Um conselho, pegue toda a palavra. O discípulo absorve com dedicação todo ensino de seu mestre. Nosso bom Mestre te chama pra oração,  de dia e de noite. Insista na oração. Persevere em oração. Não espere ter vontade, apenas ore. E que isso beneficie seu próximo. E que isso não te faça se sentir melhor que ninguém. Afinal, diante de Deus Pai, somos todos como pequenas crianças. 


Amém 

Deus t abençoe 

domingo, 13 de dezembro de 2020

Desenvolverei minha gratidão


 

Meditando em Lucas 18.11-37, vc vai se deparar com duas histórias. Os dez leprosos que foram curados e o ensino do nosso Mestre sobre os últimos dias. Sim há uma boa relação entre as duas passagens. 


Dos dez leprosos curados, apenas um voltou para agradecer e louvar ao Senhor. E tb apenas esse que ouviu a palavra que selou sua salvação "a sua fé o salvou". Os dez foram curados, mas apenas o que tinha gratidão recebeu a palavra de salvação. 


Gratidão é ingrediente necessário pra ser contado naqueles últimos dias. A geração ingrata dos dias de Noé e Ló pereceram. A ingratidão não cabe na arca da salvação. A ingratidão atrairá o fogo de Sodoma.


Desenvolva sua gratidão. Vc pode fazer isso através desses 3 conselhos:


1- Vc pode escolher seu modo de pensar. Seja seletivo. Como numa prateleira, escolha os pensamentos mais apropriados pro seu dia de hoje. 

Lembre-se de que vc deve "levar cativo todo pensamento à obediência de Cristo" (2Co 10.5) 


2- A cada manhã,  antes de qualquer coisa, volte à presença de Cristo e agradeça. Faça uma lista com 10 itens de agradecimento e a declare ao Senhor na sua oração matinal.


3- Não seja dominado pela ansiedade.

A ansiedade é inimiga da gratidão. 

A gratidão te prepara para um amanhã melhor, mas a ansiedade quer trazer o problema de amanhã e fazer o hoje pior. 

Lembre-se das palavras do nosso Cristo "Basta cada dia o seu mal" (Mt 6.34)


Amém 

sábado, 12 de dezembro de 2020

Cumprirei mais que minhas obrigações


 

Lucas 17:1-10


Servo útil ou servo inútil? 


Trata-se de uma pregação do nosso mestre que é encerrada com uma afirmação que nos confronta: Somos servos inúteis, porque fizemos somente o que devíamos fazer. Definitivamente, não é uma mensagem para multidões. Jesus afirma que o servo que faz o que lhe é devido não passa de um servo inútil!


Na parábola, há um servo que sai a fazer o que seu senhor o ordena, e na sua volta não há aplausos nem congratulações. Pelo contrário, Jesus declara assim também sois vós, quando fizerdes tudo o que vos for mandado, dizei: somos servos inúteis, porque fizemos somente o que devíamos fazer. Forte esta declaração do Senhor. Aquele que faz seu ofício de obreiro da Casa do Senhor, ainda que seja feito com zelo, mas que faz somente o que lhe for pedido, não passa de um servo inútil! O levita que louva, e faz somente isso; o porteiro que somente cuida da portaria; o sonoplasta que somente cuida do som; o tesoureiro que somente cuida da tesouraria; o pregador que somente ministra... e faz somente o que deve ser feito, não passa de um servo inútil. Nos meus critérios, e de muitos de nós, o obreiro que faz com excelência o que lhe é proposto, estaríamos satisfeitos, mas para Jesus, este obreiro que fizesse somente isso, é chamado de inútil. Veja que os critérios do Senhor são mais elevados.


Nesta ministração Jesus associa escândalos, perdão e fé como algo que deve ser feito. Como se quem faz isso é apenas um servo inútil. Quem não comete escândalos, que perdoa até mesmo sete vezes num único dia, que tem fé, deve dizer, de acordo com esta pregação do Senhor, somos servos inúteis, porque fizemos somente o que devíamos fazer! 


Pense nisso...

Nossa carne pode gemer nesta hora e tentar nos convencer que nós pregamos, oramos, jejuamos, evangelizamos e não passamos de servos inúteis? Isso mesmo, inútil, pois estes são atributos que os servos devem fazer. Se o servo faz aquilo que cabe a ele fazer, não há honra, é obrigação.


Mas, existem alguns servos que podem fazer além do dever. Aqueles que caminham a segunda milha, entregam a capa e a túnica, oferecem a outra face, excedem a justiça dos fariseus (Mt 5.20) são servos úteis. Fazem mais do que lhe é proposto. Com um coração disponível e humilde, buscam direcionamento em Deus e vão além de suas obrigações.


Faça a diferença querido. Com amor e humildade, faça além do que lhe é proposto, e seja um servo útil na obra do Senhor. Esta obra precisa dos servos úteis. E se você chegou até aqui, é você que o Senhor desta obra quer levantar como servo útil. 


Que a paz do Senhor Jesus esteja sobre todos os seus servos.

sexta-feira, 11 de dezembro de 2020

Ajudarei o meu próximo mais próximo


 

Na leitura de hoje (Lc 16.16-31) temos a intrigante história do Rico e do Lázaro.


Lázaro mendigava na porta do rico, desejando comer o que caísse de sua mesa. O rico vivia sua riqueza sem se importar com aquele pobre. Lázaro era seu próximo mais próximo. 


Após a morte, a situação de ambos vai mudar totalmente. O rico passa a sofrer tormentos no Hades, enquanto que o pobre vai ser consolador ao lado de Abraão.


Com o desejo desesperador de que sua família não tivesse seu mesmo destino, o rico implora que tivesse a oportunidade de alertar sua família. Mas Abraão responde: "Eles têm Moisés e os profetas; que os ouçam".


Verdade é que precisamos ouvir o que Moisés e os profetas têm a nos dizer. Precisamos ouvir a palavra enquanto é tempo. Precisamos abrir nossos olhos e ajudar nosso próximo enquanto  é tempo. Deus sempre vai colocar um Lázaro à nossa porta pra podermos decidir ajudar ou fechar a porta. Toda e qualquer riqueza que o Senhor confiar em suas mãos deverá glorificar ao seu Cristo.


Ouça o que Moisés e os Profetas (A Palavra) têm a lhe dizer sobre isso:


Pois o amor ao dinheiro é a raiz de todos os males. Algumas pessoas, por cobiçarem o dinheiro, desviaram-se da fé (1Tm 6.10)


Mas ajuntai tesouros no céu, onde nem a traça nem a ferrugem consomem, e onde os ladrões não minam nem roubam. (MT 6.20)


Porque tive fome, e destes-me de comer; tive sede, e destes-me de beber; era estrangeiro, e hospedastes-me ...  E, respondendo o Rei, lhes dirá: Em verdade vos digo que quando o fizestes a um destes meus pequeninos irmãos, a mim o fizestes. (Mt 25.35-45)


Vamos hoje ajudar nosso próximo mais próximo? Deus sempre coloca um Lázaro em nosso caminho. 


Por isso, antes de ir pro seu culto de domingo, olhe na sua despensa, veja o que você pode dividir com seu próximo. Leve sua doação... e acumule tesouros no céu. 


Amém 

Deus t abençoe

quinta-feira, 10 de dezembro de 2020

Substituirei comportamentos inadequados por hábitos mais elevados

 


Medite em Lc 16.1-15, e só  depois disso, leia essa reflexão. 


Nesse trecho, Cristo conta a parábola do administrador astuto. Essa palavra é interessante pois possui dois sentidos na Bíblia. Astuto é uma pessoa esperta e enganadora ou é uma pessoa atenta e prudente (confira também em Mt 10.16).


Sabendo que a prestação de contas estava chegando, o administrador desonesto agiu de forma astuta. Ele convocou os devedores e diminuiu a dívidas deles. Isso ajudou muito aquelas pessoas e arrancou elogios de seu senhor. Pessoas são beneficiadas quando a conduta desonesta é trocada pela conduta astuta. 


Diante da proximidade da nossa prestação de contas, meu amado irmão, todo e qualquer comportamento inadequado deve ser substituído por outro mais elevado. 


Pra isso, deixarei 4 conselhos:

1- faça uma auto-análise e identifique seus pontos fracos.

2- busque padrões mais elevados para substituir seus comportamentos inadequados. Lembre-se que é mais sábio trocar um hábito por outro, do que simplesmente se esforçar pra não fazê-lo.

3- peça perdão a todos com quem você errou.

4- seja ensinável, permanecendo aberto a ensinamentos e novos desafios.


Amém 

Deus t abençoe 

quarta-feira, 9 de dezembro de 2020

Aprenderei com Cristo as qualificações paternas de Deus Pai


 

Leia e medite em Lc 15.11-31, é a conhecida parábola do filho pródigo.


Repare que o pai, atendendo um pedido, reparte sua propriedade com seus filhos.

Repare que o pai, mesmo tendo seu filho se distanciado, manteve o acesso do retorno livre.

Veja que esse pai viu o filho pródigo ainda de longe e, cheio de compaixão, correu, abraçou e o beijou. 

Veja que esse pai escuta a declaração de arrependimento de seu filho.

Imagine a emoção e autoridade na ordem do pai: "depressa! Tragam a melhor roupa... vamos fazer uma festa"

Imagine o som da voz do pai dizendo: "este meu filho estava morto e voltou à vida"


O pai, nessa parábola, não é pai apenas do pródigo ou do irmão mais velho. Muito além desses, Ele é o Pai de Jesus Cristo. E através de Jesus Cristo ele também é o seu Pai. 


Medite na descrição do Pai que Cristo nos oferece. Um Pai que escuta, que é cheio de compaixão, que faz festa pela vida do filho. Um Pai de braços abertos. 


Ninguém melhor que o próprio filho para descrever seu pai. Ninguém melhor que Jesus Cristo para descrever as qualidades paternas de seu Pai, de braços abertos. Abrace-o!


Amém 

terça-feira, 8 de dezembro de 2020

Olharei para o alto e ouvirei a alegria dos céus


 

Leia Lc 15.1-10, medite nessas duas parábolas. A da Ovelha Perdida e da Dracma Perdida.


No início desse capítulo, vemos que todos os pecadores e publicanos estavam se reunindo para ouvir Cristo. E isso despertava  a crítica dos fariseus e mestres da lei.


Assim é proclamar o Evangelho do nosso Senhor. Esteja preparado. A ministração atrai pecadores, e ao mesmo tempo, desperta os críticos. 


O ministro do evangelho deve aprender a levantar a cabeça e olhar para o alto. Em cada alma arrependida, e em cada crítica apontada, há um barulho no céu. São os anjos do Senhor em alegria pelo pecador que se arrependeu.


Para não se perder num emaranhado de críticas e falatórios, aprenda a ouvir o som do alto. Lá há festa. Alegre-se. 


Vá atrás da ovelha q se perdeu. Traga de volta pro rebanho. Limpe bem sua casa, tire toda sujeira até encontrar a dracma perdida. E diga "alegrem-se comigo".


Q vc tenha dias de alegria. 

Q vc não esqueça q sua fonte d alegria é o seu Cristo.


Deus t abençoe. 

Amém

segunda-feira, 7 de dezembro de 2020

Serei um amigo de confiança


 

Além de Senhor e Salvador em sua vida, Cristo deseja ser amigo. 


Amigos têm uma palavra certa pra cada momento. Amigos de confiança são como um alarme que toca e faz despertar. Precisamos desenvolver amizades verdadeiras. 

Ame todas as pessoas. Mas evite aquelas que são negativas e queixosas e se aproxime daquelas que compartilham de sua fé e seus sonhos.

Esteja preparado para romper com amizades de ontem que em nada contribui para vc chegar onde Deus quer te colocar.

Observe quem realmente carrega a cruz e segue de verdade a Cristo e se aproxime dele ou dela.


Você precisa de amigos de confiança  que lhe faça perguntas difíceis, como essas:


1- Sua caminhada pessoal com Cristo está em dias?

2- Vc está priorizando as coisas certas?

3- Seus dons e talentos estão a serviço do Reino?

4- Seu caráter e seu nome estão limpos?

5- Vc está preocupado demais em construir sua auto imagem?

6- Vc está ciente e honesto em relação às suas fraquezas?

7- Tem abandonado sua cruz?


Cristo te chama à mesa. Não invente desculpas. Aprenda a conviver com aqueles que tb estão na mesa, com Cristo.

Amém 


Cristo Jesus t ama muito, e eu tb!

domingo, 6 de dezembro de 2020

Cuidarei dos meus dons e zelarei do meu caráter


 

Na leitura de hoje, vemos homens importantes que convidaram Jesus para um banquete. Eram fariseus ilustres dotados de dons, porém, de caráter duvidoso.


Dons incríveis exigem caráter elevado. Ambos devem estar em equilíbrio. De nada valerá ter um dom extraordinário, se o caráter não servir de testemunho. 


Deus concedeu dons incríveis no seu coração. Desenvolva esses dons. Mas tenha zelo pelo seu caráter e o desenvolva também.


Dons e caráter,  ambos devem estar desenvolvidos.


Lembra de Hamã, do livro de Ester? Ele cometeu erros que mancharam seu caráter. Veja esses erros e não os cometa:


1- Perdia alegria com pequenos problemas

2- Dependia de elogios para fortalecer sua autoimagem

3- Ouvia as pessoas erradas

4- Ele se achava bom demais

5- Sua ambição o deixava infeliz


Por fim,  Hamã cavou sua própria queda, colhendo o que plantou.


Pense nisso, e cuide dos dons que Deus lhe deu e tenha zelo pelo seu caráter. 


Amém 

sábado, 5 de dezembro de 2020

Entrarei pela porta estreita


 Tão estreita é essa porta que:

Seus fardos não cabem nela. 

Livre-se de fardos pesados de pecados. Receba a purificação da palavra do Senhor.

Como Davi cantou, e até hoje tb cantamos, seja mais alvo que neve. Sim, pelo sangue do Cordeiro é possível. 

Livre-se da culpa, medo ou ressentimentos. A porta é estreita de mais.


Que sua carência seja suprida em Cristo.

Que sua saúde emocional não esteja nas mãos de ninguém. 

Que o primeiro som q vc escute pela manhã seja tua própria voz orando ao Senhor.

Que a primeira palavra que vc ler pela manhã seja a palavra de Deus.


Ouça o Espírito te chamando pro deserto. 

Deserto é lugar de vencer tentações. De superação e transformação. 


Levante-se e entre por essa porta estreita. Esforce, persista e não desista. E viva a glória do Reino de Deus Pai e do seu Cristo.


Amém 

sexta-feira, 4 de dezembro de 2020

Guardarei essa seqüência: arrependimento-frutos-cura


 

Na leitura de hoje, aprendemos com o nosso Senhor que cada notícia terrível que recebemos é dada a nós a oportunidade de arrependimento.


Na sequência,  Cristo conta a parábola da Figueira. Há o desejo de que a Figueira gere frutos. E porque depois de três anos ela não gerou, então vem a ordem para que fosse cortada. O cuidador da Figueira então suplica para que o prazo seja estendido, pois ele iria cavar fundo em suas raízes.  ESSA FIGUEIRA SOMOS NÓS. 


E por último, Cristo manifesta cura numa mulher que há dezoito anos estava encurvada. 


Guarde essas palavras e, principalmente,  a sequência delas: arrependimento, frutos, cura.

Que o Santo Espírito fale contigo.

quinta-feira, 3 de dezembro de 2020

Vigiarei para que a chama nunca se apague


 

DIA 20 

Lucas 12.35-59


"Estejam cingidos os vossos lombos, e acesas, as vossas candeias" (12.35):


Quero trazer o significado de lombos cingidos e lâmpadas acesas de três mestres descritos abaixo:


1. Para Di Nelsom (2011), lombos cingidos nos coloca em alerta para estarmos vestidos pronto para guerra! E as candeias acesas aponta para as cincos virgens prudentes (Mt 25.1-13) que não deixaram suas candeias se apagarem. Que por sua vez, aponta para os cinco ministérios descritos em Ef 5.11, apóstolos, profetas, evangelistas, pastores e doutores. A igreja precisa destes cinco ministérios. A base doutrinária dos apóstolos, a voz de Deus dos profetas, os que levam as boas novas e trazem almas para a igreja como os evangelistas, os pastores guiadores e os doutores que ensinam a palavra. Amado irmão e amadas irmã, qual destes ministério você se encaixa?


2. Harrison (1997) faz alusão às roupas judaicas que eram longas, e por isso, precisavam ser presas (cingidas) ao cinto (lombo) para liberdade de movimento sem causar escândalo. Não deve ser feito assim, querido leitor, a obra que está confiada em nossas mãos? Com liberdade, mas sem escândalos? Sobre as candeias acesas, este autor, explica que as lâmpadas (candeias) eram acesas com brasas vivas, pois na época de Jesus não havia fósforos. Explicação que nos faz lembrar do chamado que o profeta Isaías teve (Is 6), onde brasas vivas foram tiradas do altar para purificar a iniquidade confessa do profeta para responder ao chamado "A quem enviarei?"


3. E para Dake (1963), lombos cingidos faz referência à convocação para o povo de Israel se cingir para sair do Egito (Êx 12.11). Quando o povo de Deus se alimentou com o cordeiro da primeira Páscoa e se colocavam prontos para sair do Egito. Acho forte isso, pois somos peregrinos desta terra, e devemos ter nossos lombos cingidos para estarmos a qualquer momento saindo desta terra! Este pensamento é complementado com o significado de candeias acesas novamente na parábola das dez virgens, onde o foco era a volta do noivo, vigilância e prontidão.


Amados, estejamos com os nossos lombos cingidos e com nossas lâmpadas acessas. Uma palavra dada por Jesus aos seus amigos discípulos. 


Que a luz do Senhor Jesus Cristo aqueça sua alma te chamando à vigilância.

quarta-feira, 2 de dezembro de 2020

Fugirei da hipocrisia e da avareza

 


Lucas 12.1-34


Fuja da hipocrisia. Seja autêntico. É tempo de se consagrar dentro de casa. Deus quer te encher do Santo Espírito pra q vc não seja escravo de pecados ocultos. Lembre-se que “nada há encoberto que não haja de ser descoberto". Se vc semeia pecado em oculto, uma hora ele se tornará descoberto. Se vc semeia oração em oculto, uma hora ela será recompensada.


Fuja da avareza. Seja um doador. É tempo de consagrar tudo que está em sua volta à glória do Senhor, inclusive seu bolso. Lembre-se que “A vida de qualquer não consiste na abundância do que possui”. Desfrute da alegria de ajudar alguém. Experimente a bênção que é tirar seu dízimo e levar ao altar do Senhor.  Desfrute da alegria de ofertar na vida de alguém. E acumule tesouros no céu. “Onde estiver seu tesouro, ali também estará seu coração”.

terça-feira, 1 de dezembro de 2020

Não deixarei minha casa vazia

 


Lc 11.14-54


O texto de meditação de hoje ensina que um certo demônio saiu de um homem, que o chama de “casa”. Esta casa pode significar nosso coração, nossa vida, ou até mesmo, nossa casa familiar, ou ainda, nossa casa de oração.


Depois de ter saído do homem, o espírito imundo busca repouso. Isso sugere um cansaço, que pode ser oriundo da luta que perdeu, onde colocou sua força e energia, mas, saiu derrotado em busca do repouso, que não é encontrado


O texto também ensina que o demônio derrotado anda em lugares áridos. Isso sugeri uma chacota ou cobrança por parte de seus superiores.


Tudo isso o leva a voltar para sua antiga casa e tentar o êxito. Para isso, ele chama mais outros sete demônios mais forte do que ele. Afinal, ele sozinho não foi capaz.


Aqui há um detalhe importante. Mesmo voltando, o demônio não pode simplesmente entrar na casa. Há uma regra espiritual, fruto da obra no Calvário, que impede a entrada do demônio derrotado em sua antiga casa. A não ser que a casa esteja vazia, varrida e adornada!


·         Casa vazia


Casa vazia aponta para uma casa em que há moradores. Não se trata de uma casa abandonada, e sim, de uma casa que ficou vazia por algum momento ou ocasião.


A “casa” não pode ficar vazia! Nem por um instante sequer, a “casa” não deve ficar vazia. Você pode olhar para sua “casa” e dizer, “mas meu coração nunca fica vazio, Jesus mora dentro dele”. Mas a questão é, naquela hora do jogo, da novela, dos canais da tv por assinatura, nas horas de internet na madrugada, no horário do intervalo da escola, no trânsito louco dos horários de pico, na hora calúnia e afronta, nos momentos em que nossa força é levada além do nosso limite... Jesus realmente fica dentro da “casa”, ou o colocamos para fora com o nosso jeitão e reações! Temos a mania de resolver do nosso jeito, mas se Jesus realmente estiver na “casa” é Ele que governa. Nossas reações serão governadas por Ele. Procure lembrar, querido leitor, se suas reações foram governadas pela sua carne ou por Jesus? A resposta lhe dirá se alguma vez sua “casa” ficou vazia!


·         Casa varrida


É certo que uma casa varrida não garante limpeza. O trabalho de limpeza completo é varrer e lavar! Varrer é apenas parte do processo.


Numa “casa” varrida houve uma tentativa de limpeza, iniciou-se uma limpeza, mas, não foi concluída. E o que tem de gente que começa um propósito diante do Senhor e não termina. Começa uma purificação e não vai até o fim. Faz votos e não cumpre. É dizimista, mas não é ofertante, ou é ofertante, mas, não dizimista. Busca o Senhor na igreja, mas não busca no trabalho. Adora com louvor na igreja, e pragueja em casa. Se entrega, quase, totalmente ao Senhor... começa uma limpeza... faz uma varrida...


Meu querido, a limpeza em nossa “casa” deve ser completa! Não se conforme com apenas uma varrida, hoje, é tempo em que o Espírito Santo derrama das águas que fluem do Trono de Deus, necessárias para que a limpeza seja completa em seu coração. Aleluia!


·         Casa adornada


Adornar significa enfeitar ou embelezar. Veja que a “casa” não está uma bagunça. Pelo contrário, está adornada! Mas, enfeites e embelezamentos não assustam os espíritos imundos. Os demônios não têm medo de vestidos novos parcelados no cartão de crédito a perder de vista de tão caros, nem do terno lindo de risca de giz, muito menos das maquiagens que combinam com sua roupa, ou do desenho da sua barba que você ficou longos minutos na frente do espelho... o diabo não tem medo de “casas” adornadas. Ele tem medo e estremece é de um fiel que dobra seus calejados joelhos e invocam o Nome Santo do Senhor!


Lembre-se querido, que se a “casa” estiver vazia, varrida e adornada o espírito imundo que foi uma vez expulso poderá voltar e entrar nela novamente. E desta vez, acompanhado com outro sete mais imundos do que ele. É muita imundície para dentro de uma “casa”!

segunda-feira, 30 de novembro de 2020

Pedirei ao Senhor que me ensine a orar

 

DIA 17

Lucas 11.1-13


Jesus tinha uma prática constante de oração. 

Sua oração despertava a vontade de seus discípulos de terem essa prática também. 


É no deserto que nossa prática de oração ganha intensidade. 


Vencendo as tentações do deserto, sua oração terá mais eficácia. Lembre-se q a oração poderosa não é aquela q é feita de cansativas repetições. Pelo contrário, uma boa oração se deriva de uma vida em santidade.


Com a perseverança em oração e uma contínua  busca por santidade, então coisas começarão a a acontecer.


A oração não é uma disputa com Deus. Na oração,  vc luta contra vc mesmo. 


Se na parábola do amigo importuno, o dono da casa, que já estava deitado, cuja porta estava fechada, que seus filhos estavam sobre a cama, e ainda assim, pela persistência do amigo, atendeu seu pedido. Quanto mais nos fará Deus, que não dorme, cuja porta está aberta, que seu Filho está à sua direita e cuja natureza é " ser rico para com todos que o invocam" (Rm 10.12)


Sem medo de está incomodando, peça.

Contra sua própria vontade, busque.

Em sua real necessidade, bata.


Quem pede, recebe. Quem busca, acha. Quem bate, portas se abrem!


A palavra nos assegura que as orações feitas no deserto serão respondidas. Então, ore.

domingo, 29 de novembro de 2020

O Senhor tem me ajudado, por isso ajudarei meu próximo

 



DIA 16

Lucas 10.25-41


Quem é meu próximo?

Vemos essa pergunta, feita por um fariseu, na leitura de hoje. Ele sabia prontamente que para herdar a vida eterna, ele precisaria guardar os dois grandes mandamentos da palavra: amar a Deus acima de todas as coisas e amar o próximo como a si mesmo. 

Quem é meu próximo?

Para responder essa pergunta, Jesus nos conta a belíssima parábola do bom samaritano, que você vai ler e meditar hoje.


De quem você pode ser próximo?


Esse é o verdadeiro sentido da parábola.  

Em Lc 10.36, Jesus pergunta quem foi o próximo daquele que caiu nas mãos dos salteadores. 

O sacerdote e o levita não fizeram caso. Apenas o bom samaritano agiu de misericórdia com o pobre homem caído ao chão. O bom samaritano foi o próximo. Devemos agir conforme essa palavra e sermos o próximo de alguém. 


Diante do caído você age de misericórdia ou logo estende o dedo da acusação? Diante do caído, você ajuda ou faz pouco caso?


Seja você o bom samaritano pra alguém hoje. Aproxime-se, tenha compaixão, ofereça azeite e vinho que são símbolos bíblicos do Espírito Santo e da alegria. O bom samaritano colocou o caído em sua cavalgadura, faça o mesmo. Leve as cargas de alguém. Tire o caído de onde está e cuide dele. Pague o preço por ele. 

E, como fez o bom samaritano,  faça planos de voltar. Pois a ajuda nunca deve ser um breve momento.


De quem você pode ser o próximo? 

Acabou o tempo de você ficar esperando ajuda. Seja você a ajuda que alguém precisa. Seja o próximo de quem necessita.

sábado, 28 de novembro de 2020

Quero ser um obreiro de valor

 



Cristo designou 70 discípulos para irem adiante dele.  São os obreiros do Senhor.


Coisa honrosa é ser um obreiro do Cristo de Deus. Verdade é que não são muitos, pois Cristo disse "os obreiros são poucos". E ainda nos ensinou a orar pedindo que outros obreiros sejam levantados. Esse é nosso pedido e nossa oração, que os obreiros sejam levantados. QUE cada obreiro encontre outro, que ajude outro, que levante outro.


Obreiros zelam por seu chamado. Lutam contra si mesmo para que o chamado não fique manchado. 


Aos obreiros, Cristo disse "Quem vos ouve a vós a mim me ouve, e quem vos rejeita a vós a mim me rejeita".


Deserto é escola de preparação para esses obreiros.


(Dia 15)



sexta-feira, 27 de novembro de 2020

Vencerei minhas reações inadequadas



Durante seus dia de deserto, sua natureza interior é manifestada. Reações indelicadas, mal humor,  raiva... se isso acontecer, acalme-se, pois há cura pra vc na Palavra.


Repare que havia três discípulos no monte que viram a glória de Cristo, porém logo adiante, estavam disputando quem deles era o maior. Um pouco mais, já estavam oprimindo um obreiro de outro grupo. E por fim, desejaram a destruição de uma vila inteira. Entenda que a natureza do nosso interior será manifestada quando nos aproximarmos mais e mais de Cristo.


Na leitura de hoje, veja e receba essas Palavras de cura. Valorize-as, pois são elas que lhe farão vencer a vc mesmo:


"E eles se calaram e, por aqueles dias, não contaram a ninguém nada do que tinha visto" (Lc 9.36). 

Seu silêncio será ferramenta pra teu avanço. Não conte tudo à todos. Evite os falastrões e fofoqueiros. Valorize cada palavra q sai de sua boca.


"Ponde essas palavras em vossos ouvidos" (Lc 9.44).

Dedique sempre um momento com a Palavra de Deus. Ministre pra vc mesmo. É a Palavra de Deus o remédio de mudança de seu interior. Valorize-a.


Nunca se esqueça que Jesus jamais abandonou seus discípulos em seus momentos de truculência. Mas ao mesmo tempo, sua Palavra e conduta sempre conduziu seus discípulos a um processo de mudança e santificação. 


Por isso, em CRISTO, vença a si mesmo!

quinta-feira, 26 de novembro de 2020

Servirei o meu próximo


 Lc 9.1-27


Nessa leitura, vc vai se deparar com algumas dessas palavras: missão, convocação, rejeição, morte, cruz, renúncia.


Palavras duras, né?


Mas vc vai perceber tb que algumas coisas aconteceram no deserto: palavra, CURA e provisão. 


Pra vc q Está no deserto, tenho alguns conselhos:


Seja voluntário na próxima Assistência ao próximo da sua igreja. 


Procure um amigo antigo e veja se ele está precisando de algo


Experimente a alegria de dar uma oferta especial a alguém que você sabe que precisa. 


Você nunca vencerá a si mesmo se seu foco for você. Ninguém consegue ser realmente feliz se seu foco principal for ser feliz. Quanto mais você se preocupa com sua própria satisfação menos satisfação terá. Nós fomos feitos para os outros. É assim que existimos... uns para os outros. A vida dedicada somente a si mesmo é pequena e pobre. Deus nos fez para ser felizes uns com os outros.


Mesmo no deserto, o discípulo pode e deve servir uns aos outros.

quarta-feira, 25 de novembro de 2020

Buscarei as atitudes certas

 



Jesus perguntou a seus discípulos que estavam com medo da tempestade: Onde está a vossa fé? (Lc 8.25)

Para o que havia sido liberto, Jesus orientou: Torna para tua casa e conta quão grandes coisas te fez Deus (Lc 8.39)

Para Jairo, que havia recebido a notícia terrível sobre sua filha, Jesus disse: Não temas; creia somente, e será salva (Lc 8.50)


Lembre-se de que o Senhor Jesus ainda acalma tempestades d nossa alma, mas pergunta sobre nossa fé. 

Cristo nos liberta, mas também nos orienta a testemunhar dentro de casa.

Jesus anda em direção de nossos filhos, mas também nos diz pra que nossa fé seja maior que o medo. 


 Vc pode esperar coisas incríveis de Jesus, mas saiba que Ele espera certas atitudes de vc.


O caminho da fé não é fácil,  mas não esqueça que o caminho mais difícil normalmente nos leva a lugares mais incríveis.

terça-feira, 24 de novembro de 2020

Abro mão de arrumar uma desculpa

 



Algumas pessoas possuem o hábito de

 tentar arrumar uma desculpa porque não conseguiu vencer a si mesmo.

Na verdade quando você não quer fazer algo, tanto faz a desculpa.


Adão colocou a culpa em Eva e Eva na serpente. 


Assuma suas responsabilidades sem procurar culpados.


Qualquer mudança começa primeiro no coração 

Chame a responsabilidade para si. 

Existem duas atitudes na vida: Realização e Desculpas. Decida qual delas você aceitará em sua vida.

segunda-feira, 23 de novembro de 2020

Cristo é quem testifica em meu favor


 A João Batista, Cristo testemunhou diante da multidão dizendo que ele era mais que um profeta.

A uma mulher pecadora não nomeada, Cristo testemunhou diante de acusadores dizendo que ela muito o amava.


Seja no dia em que você esteja como um destemido João Batista, 

ou apenas como uma pecadora sem nome, saiba que é seu Cristo que te justifica diante dos homens.

domingo, 22 de novembro de 2020

Fé com humildade e ousadia

 Nono dia...



Leitura: Lc 7.1-17


Memorize: "Ouvindo isso, Jesus maravilhou-se dele" (Lc 7.9)


Oração: Aumente minha fé, Senhor, nesses dias de deserto. Aumente minha fé até o ponto em que ela cause reações boas em ti.


Lembre-se que Cristo ficou maravilhado diante da fé do Centurião. Uma fé carregada de humildade, pois ele disse que não era digno que Jesus entrasse em sua casa. E uma fé carregada de ousadia, pois ele disse que bastava uma ordem de Jesus, uma vez que conhecia o que era autoridade. 

Fé com humildade e ousadia, oro que essa combinação inunde seu coração nesses dias de deserto.

sábado, 21 de novembro de 2020

Cuidarei do que sai da minha boca

 



Durante esses 40 Dias, vc terá um cuidado especial com o que sai da sua boca:

Não critique ninguém, pelo contrário,  faça sinceros elogios.

Não reclame d nada, pelo contrário, faça sinceros agradecimento.

Fale menos, escute mais.


Lembre-se que:

 

Sem lenha, o fogo se apaga; e, não havendo maldizente, cessa a contenda. Como o carvão é para a brasa, e a lenha, para o fogo, assim é o homem contencioso para acender rixas. As palavras do maldizente são comida fina, que desce para o mais interior do ventre. 

Provérbios 26:20-22

sexta-feira, 20 de novembro de 2020

Vencendo pressões externas

 



Qd vc estiver fazendo a diferença e sendo bênção na vida de pessoas, vc vai ter q aprender a lidar com certas pressões.

Vença as pressões como Cristo venceu.

Qd vc provê o alimento, ou qd ministrar sobre menos favorecidos, escribas e fariseus atentarão contra vc.

Faça como Cristo fez. 

Venceu essa pressão pelo q Está Escrito e tb fazendo o bem em favor do menos favorecidos. Só não pare!

quinta-feira, 19 de novembro de 2020

Jejum de Isaías 58

 


Isaías 58 O verdadeiro jejum


A religiosidade vazia de Israel é exposta neste capítulo. O povo de Deus tinha assumido uma posição "santarrona" durante os cultos, acompanhado de votos de jejuns ostentosos, mas seguidos das mesmas antigas ações impiedosas e maldosas. Verdade é que nenhum ato religioso tem importância se não for acompanhado de uma vida piedosa, com observância da Palavra e uma sincera compaixão para com aqueles que estão passando por necessidades.


O profeta declara o pecado e transgressão de Israel, ao mesmo tempo em que eles procuravam Deus a cada dia e tinham prazer nos caminhos do Senhor. Uma religiosidade em atitudes de bondade para com o próximo. Certamente, uma prática que deve ser meditada pelos humildes servos do Senhor.


Deus passa seu “raio-x” e enumera 10 atos que constituíam (e continua sendo) erradamente o jejum de Israel. Veja:


• Questionamentos - v.3

• Afligir a alma para atrair a Deus - v.3-5

• Contentar-se, ou seja, uma atitude de inércia espiritual - v.3

• Requerer todo trabalho, acumulando em si a glória - v.3

• Contendas e debates - v.4

• Ferir com o próprio punho - v.4

• Fazer ouvir a voz em público, situação que foi combatido pelo Senhor Jesus no Sermão do Monte - v.4

• Inclinar cabeça como o junco, causando a impressão piedosa - v.4

• Estender debaixo de nós saco e cinza

• Ter uma feição triste, desfigurando o rosto para ser visto pelos homens. Situações também combatidas pelo Senhor Jesus no Sermão do Monte.


Assim, Deus declara exatamente como é o jejum que Ele aceita:


• Soltando as ligaduras da impiedade - v.6

• Desfazendo as ataduras do jugo - v.6

• Deixando livre os quebrantados - v.6

• Despedaçando todo jugo - v.6 (repare o quanto essas expressões são fortes, mostrando o quanto esses atos impiedosos devem ser combatidos)

• Repartindo o pão com o faminto - v.7

• Recolhendo em casa os pobres desterrados - v.7

• Cobrindo o nu - v.7

• Não se escondendo daqueles que são nossa carne - v.7

• Tirando do nosso meio o jugo - v.9

• Tirando o estender o dedo - v.9

• Tirando o falar vaidade - v.9

• Abrindo a alma ao faminto - v.10

• E fartando a alma aflita - v.10


Em seguida, o Senhor lista as belíssimas consequências e promessas desse verdadeiro jejum:


• A tua luz romperá como a alva - v.8

• A tua cura apressadamente brotará - v.8

• A tua justiça irá adiante a tua face - v.8

• A glória do Senhor será a tua retaguarda - v.8

• Clamarás e o Senhor te responderá - v.9

• Gritarás e o Senhor dirá: Eis me aqui - v.9

• Tua luz nascerá nas trevas - v.10

• A tua escuridão será como o meio-dia - v.10

• O Senhor te guiará continuamente - v.11

• Fartará tua alma em lugares secos - v.11

• Fortalecerás teus ossos - v.11

• Será como um jardim fechado - v.11

• Será como um manancial cujas águas nunca faltam - v.11

• Os que de ti procederem edificarão os lugares antigamente assolados - v.12

• Levantarás os fundamentos de geração em geração - v.12

• Chamar-te-ão reparador de rotura - v.12

• Chamar-te-ão restaurador de veredas para morar - v.12


Pensando nisso, vamos jejuar?

quarta-feira, 18 de novembro de 2020

Nunca esteja ocupado para orar

 Quinto dia...


Leitura: Lc 5.1-26

Memorize: "Porém ele retirava-se para os desertos e ali orava" (Lc 5.16)


Oração: Senhor, que meu local de tentação, vire local de oração. 


Antes de verificar as notícias e mensagens,  antes de ligar um aparelho ou conversar com alguém,  faça sua oração ao Senhor. 

Que seu dia sempre comece com um belo momento de oração e leitura bíblica. 

Nunca esteja ocupado demais para deixar de orar.

Faça a oração que um filho amado faz ao Pai Nosso. Descreva-se e coloque seus sentimentos pra fora. Tenha liberdade para orar em línguas.  Agradeça. Faça pedidos, peça ajuda para vencer tentações.  

E escute. Certamente a palavra que você leu falará contigo.

terça-feira, 17 de novembro de 2020

Vencendo tentações no deserto

 



Quarto dia...


Leitura: Lc 4.1-44

Memorize: "e quarenta dias foi tentado pelo diabo" (Lc 4.2)

Oração: Senhor, enche-me do teu Espírito e me guie ao deserto das tentações. Sem ti nada posso fazer. Pelo teu Espírito e pelo que Está Escrito, sei q posso vencer diferentes tentações.

segunda-feira, 16 de novembro de 2020

Tu és meu Filho Amado




Terceiro dia...
 
Leitura: Lc 3.1-22
 
Memorize: "Tu és meu Filho amado, em ti me tenho comprazido" (Lc 3.22)
 
Oração: Pai nosso, enche-me do teu Espírito e me revele sua paternidade. Ensina-me a viver como filho amado q tem prazer em te alegrar.

 

domingo, 15 de novembro de 2020

Preciso cuidar dos negócios do meu Pai

 Com 12 anos, Jesus já sabia que precisava tratar de assuntos de seu Pai.

Deus tem uma obra na sua vida.  Isso não é clichê,  é propósito. 

Faça a obra q o Pai tem pra vc.

Lute contra a procrastinação.

Sua fé sem obras é morta.

Que sua mente seja cheia dos assuntos do Pai e assim, as tentações terão menos espaço dentro de vc.

sábado, 14 de novembro de 2020

Propósito 40 dias no deserto

Antes de chamar discípulos, antes de ministrar milagres e prodígios, antes de sua jornada de cidade em cidade... nosso Cristo foi conduzido pelo Santo Espírito ao deserto para ser tentado. Vencer tentações no deserto é fundamental para a jornada ministerial. 

No deserto, Cristo jejuou, foi cheio do Espírito e também do que está Escrito e assim, venceu cada tentação proposta pelo diabo. Cristo deixou um modelo. Precisamos seguir esse modelo, se queremos atingir o nível máximo do nosso chamado. Antes do exercício do chamado, vencer tentações no deserto. Como? Sendo cheio do Espírito e tb da Palavra.


Fiz esse propósito e agora quero compartilhar com vocês aqui no blog.

Separe todos os dias uma hora de porta fechada, só você e Deus, de preferência ao amanhecer antes de qualquer atividade. Tenha em mãos a Bíblia, caderno e caneta. Comece com uma oração. Agradecimentos, pedidos, expor seus sentimentos são sugestões para sua oração inicial. Cante um louvor em adoração.  E leia e medite no trecho bíblico do dia. A leitura será o Evangelho de Lucas. Um trecho por dia. E por fim, faça anotações que vierem ao seu coração. Uma hora vai passar rápido. 

A cada dia, nos próximos 40 dias, publicarei o trecho do dia e uma reflexão.  É uma excelente oportunidade que Deus nos deu. Eu venci, pelo Espírito e sua Palavra, tentações que eu sempre perdia. E sei que você pode vencer também.  Sei que você pode vencer a sim mesmo. 


Para o primeiro dia...


Escreva 3 tentações que vc precisa vencer

Leitura: Lc 1.1-80

Memorize: "Porque para Deus, nada é impossivel" (Lc 1.37)

Oração: Senhor, enche-me do teu Espírito

terça-feira, 4 de agosto de 2020

Os sete mandamentos de Cristo

"Se me amardes, guardareis meus mandamentos" (João 14.15)

Os sete mandamentos de Cristo nos sete sermões do Evangelho que escreveu João

1* Mandamento: Nascer de novo (Jo 3.1-21)
2* Mandamento: Beber da água q Cristo nos dá  (Jo 4.4-42)
3* Mandamento: Honrar o Filho (Jo 5.19-47)
4* Mandamento: Trabalhar pelo alimento eterno (Jo 6.22-59)
5* Mandamento: "Que venha a mim e beba" (Jo 7.37-52)
6* Mandamento: Permanecer na palavra (Jo 8.12-30)
7* Mandamento: "Haverá um rebanho e um Pastor" (Jo 10.1-21)









terça-feira, 14 de abril de 2020

Os discípulos de Cristo e os fariseus



Mc 2 tem quatro cenas.


1- Cristo em casa, amigos unidos para levar um paralítico até sua presença e os fariseus com pensamentos de discordâncias.

2- Cristo na casa de Mateus Levi, pecadores e publicanos sentados com Ele, e fariseus questionando a arrumação da ceia.

3- Cristo com seus discípulos, e os fariseus comparando seus exímios discípulos que jejuavam, enquanto os discípulos de Cristo não jejuavam.

4- Cristo levando seus discípulos ao milharal, e os fariseus apontando e murmurando.

Nas 4 cenas, Cristo está no centro, e é acompanhado por discípulos e também por fariseus.

Discípulos estão recebendo o cuidado de seu Cristo. Fariseus estão apontando, reclamando do agir de Cristo.

Nas 4 cenas, Cristo está em movimento:
1- Perdoando e curando um paralítico
2- Levantando um novo ministro
3- Defendendo seus discípulos
4- Provendo alimento para seus discípulos

Na cena atual de Pandemia, fariseus continuam murmurando e levantando contendas, enquanto que Cristo continua curando, levantando, defendendo e provendo seus discípulos.

Que nosso coração seja livre de todo farisaísmo. Que nosso coração seja discípulo. Amém

segunda-feira, 13 de abril de 2020

A dracma encontrada em dias de quarentena


A dracma perdida.
1886-94. Por James Tissot, atualmente no Brooklyn Museum, em Nova Iorque.

A dracma perdida (Lc 15)

Se o recomendável é que não saiamos na rua, o tempo pode ser oportuno para procurarmos a dracma que foi perdida dentro d casa.

Na parábola de Lc 15, a mulher, ciente d sua perda, faz o seguinte:


1- acende a candeia
2- varre a casa
3- busca com diligência até achar sua dracma perdida

Que o Santo Espírito possa iluminar nosso entendimento, acendendo a luz de Deus no nosso interior. Assim, poderemos ver as sujeirinhas nos cantos e começarmos um tempo de limpeza dentro da nossa casa- coração.

É aí que a busca começa. E aí que encontramos valiosas dracmas a muito perdidas.

Hoje contemplei minha esposa e filha cantando juntas no culto familiar. Buscamos e achamos uma valiosa dracma. Em breve chamaremos os amigos e vizinhos para nos alegrarmos pela dracma encontrada. Em breve...

Amém

domingo, 12 de abril de 2020

A tempestade de Paulo e o desespero dos tripulantes





Paulo sendo levado preso num navio, quando uma veemente tempestade, que durou vários dias, fez com que:

- os tripulantes lançassem ao mar, todo o peso e armação do navio
- fugisse toda a esperança d salvação, porque há vários dias não se via o sol nem as estrelas
- Paulo, que estava aprisionado ali, fosse levantado para liberar uma palavra de ânimo e de salvação


No auge do desespero, marinheiros planejaram pular ao mar pra seguirem por conta própria.
No auge do desespero, os soldados planejaram matar os presos.
No auge do desespero, Paulo disse q nem um fio d cabelo cairia da cabeça daqueles homens, se permanecessem na embarcação.

No final, todos os 276 tripulantes chegaram à terra, salvos!
Em tempos de tempestades, que sejamos guiados pela Palavra d Deus, e não pelo desespero.

sexta-feira, 3 de abril de 2020

Desespero diante das tempestades



At 27

Paulo sendo levado preso num navio, quando uma veemente tempestade, que durou vários dias, fez com que:

- os tripulantes lançassem ao mar, todo o peso e armação do navio
- fugisse toda a esperança d salvação, porque há vários dias não se via o sol nem as estrelas
- Paulo, que estava aprisionado ali, fosse levantado para liberar uma palavra de ânimo e de salvação


No auge do desespero, marinheiros planejaram pular ao mar pra seguirem por conta própria.
No auge do desespero, os soldados planejaram matar os presos.
No auge do desespero, Paulo disse que nem um fio de cabelo cairia da cabeça daqueles homens, se permanecessem na embarcação.

No final, todos os 276 tripulantes chegaram à terra, salvos!
Em tempos de tempestades, que sejamos guiados pela Palavra d Deus, e não pelo desespero.

quinta-feira, 2 de abril de 2020

Quando a morte chegou perto



Quando a morte chegou perto

Moisés andou tranquilamente com o seu Senhor olhando a terra prometida que ele não entraria (Dt 34)

Simeão orou se despedindo com uma oração de paz e agradecimento, enquanto contemplava seu Senhor envolto em seus braços (Lc 2.29)
Paulo ponderou se era melhor viver e gerar frutos pro seu Cristo ou partir e estar logo com seu Cristo, preferindo esta segunda opção (Fp 1.23)


Se a morte chegar perto, que o Santo Espírito te lembre q você estará mais próximo do que nunca do seu Bondoso Senhor. Pra sempre!

Que nossas reações sejam as mais próximas possíveis desses homens de Deus. Homens de carne e osso, mas cheios do Espírito Santo.

quarta-feira, 1 de abril de 2020

A Palavra em dias de quarentena



Na prisão, Paulo adorou (At 16)
Na prisão, Paulo pregou (At 26)
Na prisão, Paulo escreveu (2Tm 4)

Em tempos de quarentena, você se sente preso em casa? Talvez, então, seja hora de você adorar, pregar ou escrever. A Palavra nunca ficou e nunca ficará aprisionada.


Quando Paulo adorou na prisão, a palavra tocou no coração do carcereiro.
Quando Paulo pregou na prisão, a palavra tocou no coração do rei.
Quando Paulo escreveu da prisão, a palavra tocou no coração do obreiro.

Em tempos de quarentena, libere a Palavra através de sua adoração, de sua pregação ou de seus escritos. Deus certamente guiará sua palavra para um coração aberto, seja grande ou pequeno, ou até mesmo para outro obreiro, a Palavra não voltará vazia.

terça-feira, 31 de março de 2020

Salmo 91



O adorador do Salmo 91 descreve assim o caos do seu tempo:

Laço do passarinheiro
Peste perniciosa
Espanto noturno
Seta que voa de dia
Peste que anda na escuridão
Mortandade que assola ao meio dia
Praga que quer chegar à sua tenda


Diante de tudo isso, o adorador encontra descanso à sombra do Onipotente e habitação no esconderijo do Altíssimo. Seu Deus é seu refúgio e sua fortaleza, por isso se enche de confiança e nada teme.

Em meio ao caos, o adorador prova seu amor a Deus, buscando conhecer mais o nome do seu Senhor. E assim Deus libera suas promessas:

Eu te livrarei
Te colocarei num alto retiro
Eu lhe responderei
Estarei contigo na angústia
Te livrarei e o glorificarei
Te darei abundância d dias
Mostrarei a minha salvação

Uma promessa pra cada descrição do caos. Deus é perfeito e sua palavra também
é. Resta-nos adorar... confiar e adorar... descansar e adorar...

Onde estão os adoradores?

segunda-feira, 30 de março de 2020

Em tempos de pandemia





Em tempo de Pandemia...

Toda a criação geme (Rm 8.22)

A igreja também geme, mas libera uma mensagem de esperança (Rm 8.23-24)

E da mesma maneira, o Espírito Santo intercede por nós com GEMIDOS INEXPRIMÍVEIS (Rm 8.26)

E sabemos que todas as coisas contribuem para o bem daqueles que amam a Deus (Rm 8.28)

Diante de tudo isso, que o Santo Espírito nos leve à confiar em Deus e suas promessas descritas em sua Palavra. Amém?

segunda-feira, 23 de março de 2020

A crise nos tempos de Daniel



Em tempos de crise e quarentena

No Capítulo 9 do livro do profeta Daniel, aprendemos que...

- EM TEMPOS DE CRISE, O PENSAMENTO COLETIVO DEVE SE SOBRESSAIR AO PENSAMENTO INDIVIDUALISTA. Embora Daniel estivesse em boa posição na corte, se importou pelo bem estar do seu povo. Diante do avanço dessa pandemia, precisamos realmente e urgentemente pensar no nosso próximo, e não apenas em nosso umbigo, respeitando orientações e decretos das autoridades governamentais.

- EM TEMPOS DE CRISE, O REAL ENTENDIMENTO DOS ACONTECIMENTOS SE DÁ A PARTIR DA REVELAÇÃO DAS ESCRITURAS SAGRADAS. Daniel encontrou no livro do profeta Jeremias o entendimento do que se passava com seu povo. Em Lc 21, podemos ver que nosso Cristo profetizou que nos dias próximos à sua vinda, veríamos guerras, fome, PESTILÊNCIAS. É a terra sendo abalado para a volta de seu Soberano Senhor.

- EM TEMPOS DE CRISE, DEVEMOS DIRIGIR O ROSTO AO SENHOR, no versículo 3, Daniel relata que dirigiu o rosto ao Senhor. Isso se faz necessário. Ou focamos nosso rosto a tantos problemas, adversidades, notícias ruins ou dirigimos nosso rosto ao Senhor, em oração e súplicas.

- EM TEMPOS DE CRISE, TEMOS A OPORTUNIDADE DE MELHORARMOS ENQUANTO PESSOAS. Na oração, Daniel reconhece suas falhas e de seu povo. Reconhecimento provoca melhoria. Nesse conturbado tempo, temos a chance de reconhecer nossos erros individuais e coletivos. Podemos com isso, sermos mais gratos pelo nosso dia a dia, pela rotina e emprego que tínhamos... é tempo de nos aproximarmos mais de nossa família. Jantar junto na mesa. Oração em família. Aproximar mais os cônjuges, irmãos pais e filhos...

Deus conceda prudência a todos, amém.
Erisvaldo P Lima
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...