Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Escola de Profetas: O conteúdo da Palavra (3ª aula)

Para onde irei eu, se só tu tens as palavras de vida eterna.
Adicionar legenda



Escola de Profetas: O conteúdo da Palavra       (3ª aula)


A Bíblia é composta por 66 livros, sendo que 39 deles estão no Antigo Testamento e 27 no Novo Testamento. Possui cerca de 40 escritores e foi escrita num período de quase dois milênios. Não se contradiz, possui harmonia entre os livros, que se completam. Não se pode ter um 67º livro, pois não há nenhuma revelação fora do que já foi escrito.

Em termos cronológicos, o livro de Jó, talvez seja o mais antigo. Porém, os livros que estão no começo da Bíblia são os Pentateucos, escritos por Moisés. Moisés é um tipo de Cristo (confira Dt 18.18-19) e toda revelação que se sucede tem por base o Pentateuco. Josué escreveu seu livro como continuação dos livros anteriores. Cada novo ministro que teve a honra de ser um dos 40 escritores da Bíblia, conhecia os livros já escritos. Exceto Moisés, todos os demais escreveram tendo por base o que já havia sido escrito antes. É assim até o Novo Testamento, que possui mais de 1500 textos que são citações do Velho Testamento.

Exemplos:
  • Salmo 68.18 é base para Efésios 4.8
  • Gn 15.6 aparece nos textos de Romanos 4, Gálatas 3 e Tiago 2
  • Habacuque 2.4 é base para Romanos 1 (o justo), Gálatas 3 (fé) e Hebreus 10 (viver)

Como esses ministros citariam se não conhecesse esses textos já escritos? Não basta somente conhecer. Deve-se buscar a profundidade, conviver com a Palavra de Deus em nós.

João Batista conviveu 30 anos com Jesus, era seu primo. Mas não conhecia o Senhor Jesus! (Admitiu em Jo 1.33-34). Não sabia ainda quem era “aquele” citado em Mc 1.7-8. Ter informações não garante conhecer o Senhor Jesus, os judeus achavam que conheciam, veja Mt 13.55-56.

Os dois discípulos a caminho de Emaús tinham convivido com o Senhor, mas não entendiam o que estava acontecendo, sem que eles soubessem quem era, o próprio Cristo os advertiu "Como vocês custam a entender e como demoram a crer em tudo o que os profetas falaram!E, começando por Moisés e todos os profetas, explicou-lhes o que constava a respeito dele em todas as Escrituras (Lc 24)

Seque alguns versículos que consta a respeito de Cristo nos textos mosáicos:
  • Gn 3.15: Cristo é aquele que vai ferir a cabeça da serpente, embora seja ferido no calcanhar. Uma forte profecia espiritual da vitória de Cristo (a semente da mulher) sobre Satanás (a semente da serpente). 
  • Gn 12.2-3: Cristo é o descendente de Abraão, aquele pelo qual todas as famílias da terra serão benditas.  
  • Gn 26.3-4: Cristo é a semente de Isaque. A confirmação da aliança abraâmica.  
  • Gn 28.13-14: Cristo é a benção prometida a Abraão, agora confirmada na vida de Jacó. 
  • Gn 49.8-12: Cristo é o louvor dos irmãos de Judá. O Leão da Tribo de Judá. Aquele que tem o cetro de justiça em sua destra. Cristo é o legislador que congregará os povos. Aquele que usará o jumentinho e a jumenta para entrar majestoso em Jerusalém. 
  • Nm 24.17: Cristo é a estrela que procedeu de Jacó e o cetro de Israel. 
  • Dt 18.18-19: Cristo é o exímio profeta que, á semelhança de Moisés, falará tudo que o Pai lhe ordenar. 



    NOTA: Querido leitor, este é o terceiro de uma série de estudos que serão intitulados Escola de Profetas. Trata-se de um projeto que fomos direcionado pelo Santo Espírito do Senhor para desenvolvermos junto aos obreiros. Nas primeiras aulas, estudamos, além da Bíblia Sagrada, o livro de Watchman Nee descrito abaixo. Para aqueles que serão tocados pelo Senhor para meditarem nesses estudos, aconselho que comprem o livro.


    Fontes de pesquisas:
    O Ministério da Palavra de Deus - Watchman Nee -  Editora Clássicos


    Bp Erisvaldo Pinheiro Lima
    Comunidade Evangélica Arca da Aliança
    Ministrado em Setembro de 2014

Postagens mais visitadas deste blog

Elias na caverna e as provas do vento, terremoto e fogo.

A ressurreição de Lázaro: o tempo, o silêncio e a pedra

Quem é você na parábola do bom samaritano?